Feliz dia das bruxas!

Na quarta semana de Lives, chegamos em um dos temas mais interessantes… Halloween! Ano passado não teve e fez falta. Já esse ano, ele não poderia ter vindo em hora melhor. Todos os artistas que precisavam de um empurrãozinho para sair da zona de conforto tiveram isso essa semana – e para uns deu certo, outros não… De qualquer forma, foi uma das semanas mais bacanas até agora, pois estávamos precisando de um programa mais animado também, e o tema serviu direitinho. Além de tudo, ainda tivemos uma apresentação super bacana da banda The Script.

O único ponto negativo foi mesmo a volta do Flash Vote – e tomara que tenha sido coisa única na temporada mesmo, pois já bastava duas eliminações por final de semana devido à tanta gente, agora essa no sábado é sempre muito dolorosa. Tivemos bastante isso no ano passado e não foi bacana, fez uns estragos. É ruim, pois é muito pouco tempo para votar nos participantes e já eliminar. Além disso, não há segundas chances, o menos votado sai na hora, seja ele uma Beyoncé ou uma Rebecca Black. Ninguém tem controle disso. Mas vamos às performances…

Ben Haenow – Highway To Hell (AC/DC)

Nada melhor do que Ben Haenow para abrir o episódio com dignidade! Ele não só foi o primeiro, como também já foi o primeiro a deixar sua zona de conforto. Nunca tive muitas críticas em relação a ele, minha única observação é que ele poderia abandonar o suporte do microfone e dar um rock and roll no palco. Acho que para muita gente essa era a ciobinha que faltava para dar um 10 para Ben. Essa apresentação foi genial em todos os aspectos: Ben estava vestido e se apresentando como um verdadeiro roqueiro, movendo-se pelo palco e soltando aquela voz maravilhosa numa song choice que nem eu mesma poderia ter escolhido melhor. Foi uma grande apresentação. Não sei vocês, mas Ben é meu grande favorito para o vencedor do programa daqui para frente.

Lola Saunders – Crazy (Gnarls Barkley)

Adoro essa música, mas com Lola não teve salvação. Se me perguntarem, ela deveria ter saído no sábado mesmo e Jack deveria ter tido uma segunda chance. Lola desafinou legal na maior parte da música, sem falar que sua apresentação foi super desconfortável. Gostei da iniciativa de dar uma mudada e tentar se mover pelo palco, mas ficou tudo bastante estranho, como se Lola mesmo não estivesse gostando do que fazia. As dancinhas então, completamente desnecessárias. Quando ela andava, sua voz ficava ainda mais desafinada. Foi uma performance desastrosa.

Fleur East – Thriller (Michael Jackson)

Não há dúvida de que Fleur conquistou muitos fãs ao longo do programa e provavelmente chegará bem próxima da final, mas ainda assim… Não achei essa apresentação uma das melhores da noite. Foi uma ótima performance, pois não há dúvida de que Fleur consiga dominar o palco com suas coreografias e tudo mais, mas vocalmente ainda estou incerta. Sua voz não é das mais potentes e não consegue alcançar notas muito altas, então vendo por esse lado diria que não foi a melhor song choice possível. Mas, se formos contar pontinhos pelo tema halloween, ela acertou em cheio. Será que ela canta Michael Jackson semana que vem novamente ou optará por Queen?

Jack Walton – Bleeding Love (Leona Lewis)

Ai ai… Não foi a melhor apresentação de Jack mesmo, vamos combinar. Mas não achei tão ruim a ponto de eliminá-lo na hora, ainda mais considerando outras pessoas. Não sei ao certo o que foi, mas Jack não deu tudo de si. Talvez porque ele estivesse desconfortável sem o violão (pontinhos positivos, porque eu já vinha pedindo isso), mas seus vocais estavam bem tremidos e, ao contrário das outras apresentações, o sorrisinho no rosto havia sumido. Ele já estava com cara de derrotado e bastante deprimido antes mesmo de ser eliminado, como se já prevesse o que iria acontecer. Gostei da song choice, apesar de não ter sido a melhor, só fiquei completamente abismada com aquela mulher “mordendo” o pescoço dele… Hahaha. Vou sentir saudade de Jack, achei que ele iria tão mais longe na competição.

Jay James – Mad World (Gary Jules)

Assim como quase todo mundo, Andrea também resolveu sair da zona de conforto. Música de diva atrás do suporte do microfone? No more! Ele resolveu se mexer no palco em frente a um “A” enorme e brilhante, rodeado de diabinhas sexy e… UM DIABINHO DOURADO! Não sei vocês, mas eu achei tudo bastante exagerado. Sobre a song choice, muito legal ver Andrea cantando uma música diferente de seu estilo, mas não sei se Take That foi melhor escolha possível. Já vocalmente nunca dá para reclamar dele.

Lauren Platt – Dark House (Katy Perry)

Fiquei bastante satisfeita com Lauren essa semana. Ela também decidiu aceitar sair de sua zona de conforto e não ficou ruim, por mais insegura que estivesse. A song choice foi ótima, mais animada do que de costume, e o tema também foi bem interessante – por mais que às vezes aqueles dançarinos me deixassem meio confusa. Lauren não teve que fazer muito, mas também não ficou parada, e é isso que conta. Os vocais estavam na média, mas no geral foi uma boa apresentação sim.

Paul Akister – Bat Out Of Hell (Meat Laoaf)

Considerando a atmosfera toda, acho que essa foi uma das melhores apresentações da noite. Paul estava novamente super solto no palco e eu continuo adorando, pois não sinto que ele esteja desconfortável com isso não, muito pelo contrário. A song choice foi perfeita para o tema, os vocais estavam no ponto e até o cenário não foi exagerado. Vamos combinar que o chute na gaiola foi super bad ass! Foi bem animada e teve tudo que tinha que ter. Fiquei abismada com os comentários de Simon, pois ele deu a entender que o garoto não era grato o suficiente pela experiência. Bastante infeliz, o resultado podíamos ver no rosto de Paul.

Only The Young – Monster Mash (Bobby Pickett) / Crocodile Rock (Elton John)

Depois de uma semana não tão boa, OTY conseguiu voltar com estilo. Essa foi sem dúvida a apresentação que mais combinou com o tema, além de ser divertida e criativa. O mash-up das duas músicas ficou super bacana e tanto o cenário, quanto o figurino foi incrível. Vocalmente os quatro não são os mais fortes e disso a gente sabe, mas foi uma boa dar a maioria dos solos para o garoto mais forte do grupo, Charlie. Só que o grupo sabe sempre trazer uma apresentação bacana e super original, até porque eles sabem dominar muito bem o palco e manter a energia, por isso vão se sustentar bastante ainda na competição. São um act bastante diferente e interessante.

Stereo Kicks – Everybody (Backstreet’s Back) (Backstreet Boys)

Depois da semana anterior, não há dúvida de que o Stereo Kicks tenha aprendido a agir como um grupo de verdade. Não sei vocês, mas eu gostei bastante da apresentação. Agora eles realmente já sabem a dominar a dinâmica no palco, tanto que essa semana resolveram inovar colocando um pouco das típicas dancinhas de boyband, mas sem nada exagerado. Foi uma coreografia que ficou bem legal e divertida – e as fotos no fundo também deram um toque legal. Vários dos meninos tiveram a chance de soltar suas vozes em solos dessa vez. Foi uma apresentação diferente do que estamos acostumados com Stereo Kicks, mas foi bastante satisfatória.

Stevi Ritchie – Music Of The Night (Phantom Of The Opera)

A grande surpresa da noite! Stevi Richie para fechar? Mas como assim? Se você ficou confuso como eu, espero que tenha recebido sua resposta. Se todo mundo estava inovando e resolvendo se mexer no palco, Stevi quis fazer o oposto e mostrar seu outro lado. Ele canta, sim! Já vinha dizendo isso há semanas, eram as song choices e as danças que o impediam de mostrar tudo. Foi uma apresentação bastante emocionante, eu adorei. Vocalmente também foi muito boa, e não é que ele conseguiu arrasar na nota alta? Mesmo assim, não deixou de ser algo diferente e de entreter, pois acho que é essa a grande essência de Stevi. Foi um espetáculo, como se estivéssemos assistindo a um musical. Ele não é o melhor candidato para esse tipo de programa, mas eu o veria numa peça sem dúvida alguma!

ELIMINAÇÃO:

No final da semana, os próprios participantes informaram pelo Twitter que essa semana a coisa seria diferente e tensa, pois eles estavam em perigo não só no domingo, como ainda mais no próprio sábado. O menos votado no sábado e, consequentemente, o primeiro eliminado da semana foi, então, Jack Walton. Não sei vocês, mas eu fiquei bastante decepcionada e surpresa. Apesar de tudo, parecia que ele mesmo já estava preparado e sentindo que aquilo aconteceria. O programa perdeu um de seus participantes mais originais da temporada, disso não há dúvida.

11º lugar: Jack Walton.

Essa foi só a primeira elimação da semana, pessoal… O que vocês acharam? Logo mais venho comentar o episódio de domingo e espero vocês aqui! Até lá!

Apenas uma estudante completamente apaixonada e viciada em séries - tanto que nem tempo para ver filmes mais ela tem. Escreve sobre Dallas, Happy Endings, Pretty Little Liars, The Carrie Diaries, The New Normal e The X Factor UK.
  • Rodrigo Flavio

    Aline a review ficou muito confusa com as gravatinhas no meio kkk! E n tem a review da performance do Jay coitado ficou sem review vc colocou a do Andrea no lugar kkkk! Enfim hora da costumeira review(comentario) sobre o episodio! Era pra eu tar falando dos primeiros mas preciso ressaltar um fato antes! Preciso dizer q to igual vc, bem surpreso pra n dizer chocado(em um bom sentido) com o Stevi, poq eh foi dramatico, ainda acho ele limitado como cantor, mas FINALMENTE(aleluia) ele largou as mulheres de lado, entrou no clima de halloween e entregou uma performance interessante, e CANTOU, e me surpreendeu o q no meu caso com ele, era IMPOSSIVEL, mas assim como Fleur na semana passada ele fez O IMPOSSIVEL! E n e q eu posso dizer q ele fechou muito bem a noite!? So espero q continue assim, mas ainda n quero q dure muito! Enfim vamos as performances!

    Ben Haenow: Não gosto da musica, mas ela caiu COMO UMA LUVA no Ben! E disso q eu vinha falando, bota um bom rock pra esse cara arrebentar! Tava totalmente na praia dele, e simplesmente fez a melhor apresentação dele ate agora(junto com Jealous Guy)! Impossivel um Top 5 sem Ben Haenow!

    Lola Saunders: Essa foi outra linda que tambem teve o seu melhor desempenho ate agora(junto com Imagine) Ela finalmente se soltou em todos os sentidos, demonstrou confiança e foi otima, essa musica ficou perfeita pra voz mais rasgadinha(n sei explicar n achei desafinada n) q ela tem e precisa dominar pra ficar perfeita! So fico completamente chocado de ve-la em perigo junto com o Jack!

    Fleur East: E n e q ela decidiu segurar a peteca de semana passada e continuar me entretendo! Ainda achei ela super fraca e limitada nos vocais(ate ouvi uma desafinada ou outra pra variar, pelo menos n tava parecendo asmatica!) mas a presença de palco e as coreografias tavam otimas! Mais uma vez n me importo de te-la a salvo por mais algumas semanas, e volto a repetir q so n a quero na final de forma alguma!

    Jack Walton: Pior performance dele ate agora! Que isso os vocais dele ja n eram la essas coisas e ai ele decide piorar com essa musica q totalmente n foi feita pra ele?! Assim n da pra te ajudar! E o q foi aquela cena bizarra da mulher quase engolindo o pescoço dele no meio da apresentação?! Definitivamente n da pra votar em algo assim! Ja imaginava q ele iria, pois foi o ultimo salvo da semana passada e isso ja foi um problema pra Stephanie por exemplo!

    Jay James: Esse foi outro q manteve a linda peteca de semana passada e foi super bem! Os vocais dele estavam otimos como sempre, e ele finalmente ta largando os maus habitos q o SImon havia apontado na JH, o q e muito satisfatorio! Essa musica ficou otima nele, e olha q foi dificil apoiar pois o Taylor John Williams foi incrivel com essa musica nos KO do The Voice recentemente(e tem o melhor chart da temporada ate agora)! Continua assim q vou amar ve-lo no Top 8, pois sua ausencia nele seria absurdo!

    Andrea Faustini: Finalmente ele largou as baladonas bregas(por mais q eu n ache tão ruim assim) e colocou uma coisa animada! Preciso dizer q eu rashei pakas vendo Andrea de diabinho! Mas isso e detalhe, pois os vocais dele foram ‘killers’ como sempre e acho q foi mais um grande momento dele na competição! Mas tenho q ser justo e por mais q me doa admitir isso, Andrea Faustini DESAFINOU pela primeira vez! Tragico, mas nem isso tira o merito do quao incrivel ele e! Pena q os ridiculos dos britanicos n compreenderam isso e colocaram ele no bottom 3(ABSURDO IMENSURAVEL! Literalmente to desistindo dos britanicos depois dessa) SERIO MEU, como me colocam um dos melhores senão o melhor vocalista e possivel finalista/vencedor nessa posição escrota?! ODEIO A INGLATERRA!

    Lauren Platt: Como eu disse, esses Lives eram de Lauren! E foram! Melhor momento dela na competição(junto com Happy), adorei a escolha honrou as ultimas interpretes Christina Grimmie e Kat Jade(The Voice AU)! A unica ressalva foi que no finalzinho, infelizmente ouvi uma desafinada, o q atrapalhou a performance de ser perfeita! Mas ainda sim adorei como sempre, espero que Lauren possa continuar nessa linha!

    Paul Akister: Esse foi mais um q teve o melhor momento na competição(junto com Ghost) q isso cara achei q era so com Ben, mas n imaginava q rock cairia tão bem! Os melhores vocais de Paul, e tambem teve uma presença de palco gritante o q ajudou muito!!! Continua assim kra POR FAVOR! Simon n falou nada com nada :P

    Only The Young: Esse SIM e o OTY dos primeiros Lives q eu tanto amava e q agora tão de volta melhores do q nunca! O bottom fez bem pra eles! Melhor momento na competição deles ate agora(dificilmente mas acho q supera ate Jailhouse Rock/Twist N’ Shout), serio essa musica ficou otima pra eles, e cada um mostrou que SIM TEM VOZ pra cantar nos solos tanto quanto nas harmonias que como sempre foram perfeitas! O QUE FORAM AQUELES AGUDOS DAS MENINAS NO FINAL!? Espetacular! Esse e o OTY q quero ver no Top 5! :D

    Stevi ja comentei e o outro n vou nem me dar ao trabalho, so vai encher mais(desnecessariamente) o meu comentario(review)!

  • Isabelle

    Aaaaah, fiquei super chateada com a saída do Jack… mas ele estava com cara de derrotinha desde sempre e parecia mesmo desconfortável no palco, mas acho que nem eh culpa dele… nada a ver aquela vampira sensualizando…ele claramente não estava feliz naquela apresentação… Pena, eu curtia mesmo ele… =/
    Como assim Andrea no bottom 3?!!??! Pááááááraaaa!!!!! Ele é incrível, mesmo com aquele visual de péssimo gosto!!!
    O Stevie surpreendendo!!!!
    Agora a Fleur… realmente não me desce… se não estou vendo as apresentações dela não consigo só ouvir… eu realmente acho ela simpática, dança bem, mas a voz não tem meu coração mesmo…

  • Nárria Cardoso

    Não queria que a Lola saísse, tampouco o Jack.

    Ben Haenow: sem dúvidas estará na final, ele canta muuuuuuito, além do estilo musical ser o melhor. Pode ser realmente o grande vencedor, pois tem o pacote completo.
    STEREO KICKS: tem minha torcida, desde início compartilhei da mesma tensão de Louis, Simon, sobre como lidar com uma banda com 8 pessoas, mas o resultado está sendo incrível, a cada apresentação que passa eles adquirem mais sintonia, e estão se saindo muito bem. Semana passada foram excelentes, cantando Beatles. Agora foram ótimos também, quero muito que eles vençam, pois estão se superando cada vez mais.
    Stevi Ritchie: esse é um caso sério. É amar ou odiar. E estou amando, para um possível vencedor, ele está fraco, pois tem melhores, mas sem dúvidas é o mais divertido. A apresentação dessa semana foi MARAVILHOSA, foi a que mais gostei, pois ele soube se conter, e ainda se emocionou no final. Está de parabéns.
    Lauren Platt: Gostei muito da apresentação, essa menina canta muuuito. Sem dúvida já é uma estrela. Mas não a vejo como vencedora. Mas quem sabe né…

    Os demais, nada a declarar, quanto antes saírem, melhor!
    Preferência para saída:
    OTY: Não entendo porque ainda está na competição, sinceramente essa banda não fede nem cheira.

  • L.

    Olá, adorei o tema dessa semana e os cenários e as caracterizações, os ingleses também levam o Halloween bem a sério e isso é muito bacana. Sobre as apresentações: com certeza o Ben foi um dos melhores da noite, ele tava bem mais confortável com rock’n'roll do que nas outras semanas com as músicas paradinhas. Espero que ele continue assim e não volte para o boring! Adorei Andrea, adorei ele sair da zona de conforto e mostrar que é capaz de cantar outra coisa além de baladas. Não gostei de Lola, acho que ela pode cantar coisa tão melhor que Katy Perry. Stereo Kicks foi mal na minha opinião, mas pode ser só meu ódio pela música, sério, foi dificil de ouvir. Enfim, uma pena o Jack sair, adoro a voz dele mas realmente ele não evoluiu nada na competição. Até a proxima!

  • Natalie Di Gregorio

    Ben p/ vencedor!!! Me decidi por ele…mas quero ver Paul e Andrea nas finais tb, e Stevi mesmo me surpreendendo e me trazendo lembranças boas (férias, NY, Brodway…) quero ele fora já!!!

  • Kelly

    Sobre Fleur, como é the X Factor, isso ela tem: presença de palco, puro entretenimento. Cantar bem é menos importante para fazer sucesso, e temos aí centenas de exemplos.
    Stevi me surpreendeu também. Quando eu vi o nome dele associado a uma música do Fantasma da Ópera fiquei pensando q ia ser uma merda, mas ele segurou bem.

  • Victor De Menezes Rolim

    Alguma duvida que Fleur East é a que mais merece vencer, a que tem mais star quality?

  • Rayanne Correia

    De fato, o Jack não fez uma boa apresentação. Mas sempre gostei dele, foi meu wildcard preferido, uma pena!
    Lola já faz hora extra, apesar de não ter achado tão ruim assim nessa semana.
    Levei um susto com os chifres de Andrea.
    Ben show, o melhor da noite!
    Stevi sono.
    A Lauren deve ser mto ruim na dança, pq só pra fazer aqle passinho foi tanta dificuldade, aff.
    A apresentação da Fleur foi digna pra o tema, mas ficou devendo mt no quesito voz.
    Simon foi mt injusto nos comentarios à Paul, coitado.
    OTY com mais uma performace bem divertidinha.
    Adoro demais o JayJ mas não consegui gostar mt dessa vez. E to odiando esse novo corte de cabelo. huahuah
    Stereo me incomoda mt com o seu numero exagerado de integrantes, ainda n os enxergo como um grupo ate agora, entao acho mt dificil isso mudar. Mas ainda assim, acho que entregaram uma otima apresentação, e depois que cantar Backstreet é um presente pra mim, ja que sou tao nostálgica. rs