Compartilhar

Que episódio espetacular, Brasil! É por isso que não me canso de cobrir The Originals com elogios, pois a série não desaponta nunca.

Estou com os batimentos acelerados e apenas com os locais onde deveria existir minhas unhas. Nunca fiquei tão tenso e tão absorto num episódio como estive em “Fire With Fire”. O capítulo se desenvolveu de forma ágil e combinando os elementos que mais amamos no show: sangue, luta e magia. Fora isso, é claro, a certeza de que Klaus é o melhor personagens já escrito nessa mitologia. O hibrido não cansa de nos surpreender semana após semana.

Só queria ser uma mosquinha para estar na casa das pessoas que disseram que o Klaus não é poderoso o suficiente para proteger a Hope, no momento em que elas estivessem assistindo esse episódio. Também queria poder ver a cara de todos aqueles que se colocaram a favor do Elijah ao apunhalar o irmão e tira-lo do campo de luta. Esse episódio nos trouxe a prova de que Klaus é capaz de fazer o que for preciso para proteger e conseguir o que quer. Que Klaus, melhor do que ninguém, sabe construir uma estratégia e se mantem fiel a ela até o serviço ser concluído. E claro, que ele, melhor do que as rainhas de bateria das escolas de samba, consegue sambar na cara de todo mundo sem dó, nem piedade.

Semana passada vimos que Dahlia propôs ao Klaus uma aliança onde ele poderia viver ao lado da filha enquanto ela canalizava o poder necessário da criança. Todos nós ficamos surpresos quando vimos que o híbrido aceitara tal acordo e que ajudaria a tia a conseguir o que ela queria. E esse atual episódio mostrou justamente os desdobramentos desse acordo, onde o vimos caminhando ao lado da Dahlia, armando e vingando contra aqueles que lhe “traíram”. Seus irmãos não estavam acreditando que ele poderia se voltar daquela forma e deixar-se controlar tão cegamente pela tia a ponto de arriscar a vida da própria filha. Se não conhecêssemos o Klaus, todas aquelas cenas onde ele aparece extremamente furioso e tomando medidas extremas, diríamos que ele realmente estava disposto a aceitar todos os termos que a bruxa propusera. Mas isso não faz o seu perfil.

Lembro que na review anterior fiz um comentário sobre o quanto é válido ter o Klaus como aliado do que como inimigo, e ainda fiz uma ressalva ao fato de que ele não se deixaria guiar totalmente pela Dahlia e na primeira oportunidade se voltaria contra ela. Em termos de convicção devemos entregar o Oscar a ele, pois Klaus não se poupou em suas ações provando à Dahlia sua lealdade. Suas medidas foram extremas? Sim. A Gia não precisava morrer, mas seu ódio pelo Elijah deveria ser convincente. Deixar o Marcel compelido a atacar a Rebekah caso ela tentasse fugir só mostrava para a Dahlia que ele não estava nem aí para a família. Entretanto, ele sabia que a irmã morrendo, sua alma, previsivelmente, voltaria para o seu corpo original com todas as vantagens de um vampiro Original, transformando-se assim num forte aliado contra a tia. Mas quanto ao Jackson e a Hayley e toda a matilha, simples: ninguém gosta deles mesmo, então nem faz diferença.

The Originals 2x21

Sinto muito pela Hayley, pois ela foi um dos personagens que mais cresceu na série, mas foi colocada ao lado do bobalhão do Jackson e isso a estragou completamente. Essa já é a segunda vez que ela salva o lobo de morrer… ninguém merece.

Porém, uma coisa é fato: Klaus é um desgraçado extremamente inteligente. Mesmo causando dor aos seus irmãos, ele fez o que foi necessário para proteger a sua filha e de brinde, deixou a tia completamente sem ação. Ele sabia muito bem que a bruxa poderia não cumprir sua parte no acordo e por isso se certificou de garantir suas vantagens antes de “entregar” a Hope a ela. Klaus se ofereceu para se ligar a Dahlia e lhe garantir a imortalidade que ela precisaria para se livrar da maldição de dormir por um século e, assim, poder canalizar a magia da criança. Nada mais justo, não é vadia? Se tu quer a vida eterna, suga de alguém que já é imortal. Vamos bater palmas para o Klaus que, mais uma vez, provou que é o rei dessa porra toda.

A Season Finale na próxima semana promete ser extremamente explosiva, e eu estou bastante ansioso para ver como essa história irá se desenvolver, principalmente pelo fato de que termos a Davina como Regente dos nove clãs soberana e poderosa novamente (será que ela será a grande dor de cabeça da próxima temporada?). Entretanto, apesar de desejar que a D volte all ballistic contra os vampiros, chega até ser um pouco difícil de acreditar naquela promessa dela já que conhecemos o tamanho da contradição que ela demonstrou ali. Se tu quer se voltar contra os Vamps, pq tu ainda vai querer trazer o irmão deles de volta?

Enfim, espero que tenham gostado e que queiram deixar as suas impressões. Espero vocês semana que vem na conclusão dessa temporada que, para a minha surpresa, contará com a presença da linda e maravilhosa, Claire.

Até breve.

Review
Nota do Episódio
Compartilhar
Tenho 24 anos, formado em História, e meu Hobby é ler e escrever. Fã de Harry Potter e viciado em séries. Amigos e família são essenciais em minha vida.
  • JV_J-Law

    Agr sim Carlinhos, esse episódio foi o The Originals que eu conheço, roteiro foda, atuações fodas e sério que episódio espetacular….. Toda aquela filosofia que eu falei na review passada, ainda acredito em certas coisas, mas adorei tudo que esse episódio fez…. Mostrou Klaus sendo Klaus e mostrando que ele é o cara mais foda do mundo todo mesmo, não importa o que haja, ele sempre tem o melhor plano e bom o cara é foda, e a reviravolta do roteiro foi impressionante….. devo destacar Davina Claire nesse episódio, que mostrou a Davina que eu queria que ela se tornasse e a Hayley que apesar de estar do lado errado, mostrou a força que eu queria para ela desde o inicio dessa temporada…. Sério, to em extase com a qualidade desse episódio, é digno de prêmios…. E FINALMENTE, TEREMOS CLAIRE HOLT DE VOLTA, TALVEZ SÓ PARA O ÚLTIMO EPISÓDIO, MAS NÃO TEM PROBLEMA, MINHA REBEKAH DE VERDADE TÁ DE VOLTA, ALGO QUE EU VENHO MEIO CHATEADO COM A SÉRIE FINALMENTE VAI SE CONSERTAR…. THE REAL REBEKAH IS BACK!!

  • Isabela Delezzott

    Carlinhos, gostei da review.
    Realmente essa é a TO que conhecemos e gostamos tanto! Confesso que essa temporada achei um pouco mais fraca do que a anterior, mas esse episódio até relembrou os melhores episódios da temporada passada. Eu fiquei besta com a burrice de Elijah e companhia por empalar Klaus daquele jeito, eles sabiam que quando ele voltasse teriam que estar pronto pras consequências disso e mesmo que no fundo nosso híbrido amado não tenha se voltado completamente contra a família, a raiva e sentimento de traição que sentiu acredito que foram reais (a morte de Gia não nos deixa dúvidas…)
    Outra coisa que vem evoluindo é a relação dele com a Cami, cada vez fica mais claro que ela é uma das poucas pessoas que realmente tocam nele. Espero que essa relação se desenvolva logo de uma vez.
    Não vou mentir, desde que se juntou ao Jackson, Hayley ficou insuportável e não fiquei com pena dela não, tava merecendo…. Mas fico com uma dúvida: se eles conseguirem matar Dahlia, será que o feitiço que ela fez pra matilha não será quebrado? Não me lembro direito dessa parte da mitologia.
    Também estou esperando uma season finale de arrepiar! Até semana que vem :*

  • nathitah

    Não querendo defender o Elijah, mas o plano dele com a freya ia dar certo se o Klaus não tivesse interrompido, usando o Marcel pra parar a rebekah. É que assim, a narrativa tinha que continuar, pq dahlia ainda teria que durar até a season finale…
    Agora o castigo da Hayley foi pouco! Já cantou o latino, quem planta sacanagem colhe solidão… Beijos lobinha, virou totó no pântano!

    • Spyer Silva

      Não funcionaria,não se lembra do que a Dahlia disse”o sangue da Freya não funcionaria,pois ela não é a bruxa que a Dahlia mais amou,esse papel corresponde a Esther” ou seja o plano falharia por esse pequeno detalhe.

      • nathitah

        Pois é, assisti novamente e vi que não funcionaria, o negocio do sangue passou batido! Clap clap pro Klaus!

  • James Fernando

    The Originals sambando na cara dos Haters.

  • Nalu S

    Isso sim é The Originals !!! Gente , nunca fiquei tão puto com o Klaus como nesse episódio . Fiquei com muita pena da Hayley e tomará que ela não seja amaldiçoada de verdade . Apesar de ter achada aquela história da Cami de ter entrado na mente dela muito meia boca do tipo : Vamos fazer isso pra resolver as coisas . O episódio foi foda como só TO sabe fazer e que tava em falta . Destruiu na Review , concordo com muita coisa .

  • Larissa Alves

    Poooois eu achei a morte de Gia mais que na hora kk affs , sinceramente ela era mais inútil que o Jackson u.u Klaus sendo Klaus ♡

  • Andréia Viana

    Eu tenho muitas reservas com o Klaus, muita gente apóia tudo o que ele faz, só não acho certos métodos que ele usa, bons, ele sempre machuca seus irmãos, tudo pelo que ele acha que é modo certo de resolver as coisas, e ainda reclama de traição, depois de tudo o que ele já fez, os planos dele podem até dar certo, mas ele sempre machuca alguém ou arruma mais inimigos, novas guerras nesse processo.
    Sei que ele tem a motivação de proteger a Hope, mas ele continua o mesmo mimizento vingativo, e que um dia ele se torne alguém menos hipócrita que respeite mais os irmãos e pare de ter vinganças como uma criança contrariada.

  • Kati Vianna

    Ótima review para um episódio maravilhoso de The Originals! Mas, pra mim, essa frase resumiu tudo: “Klaus é um desgraçado extremamente inteligente.” Pode ter gente que não gosta dele e suas atitudes são extremas sim, mas é como o Marcel disse alguns episódios atrás, ele é um grande estrategista. Parem pra pensar que no período entre visitar a mente da Dhalia até aceitar o acordo dela, o hibrído.. 1- se ligou que o plano do Elijah e Freya ia dar errado, 2 – pensou em uma maneira de “punição” para todos aqueles que o traíram e 3 – ainda trabalhou no improviso contando tudo pra Cami. As cenas de luta foram maravilhosas, a volta da maldição dos lobos foi GENIAL (Entendo a Hayley, mas não aceitei o fato dela querer afastar a Hope dos Mikaelson então achei merecido e vibrei na cena) e ainda teremos Claire Holt de volta, nem que seja por um ep..como não amar?
    Estou MORRENDO DE MEDO e ansiosa por esta finale e rezando para não matarem nenhum dos nossos 3 originais!

  • renata celho

    Vamos mudar o nome da série de The Originals para apenas KLAUS – O MITO !!

    Eu imaginei que ele tinha um plano, mais nao imaginária que seria tão sangrento assim. A verdade é que Klaus quer fazer sempre do seu jeito não importa quem esta no seu caminho, quando a titia Dahlia lhe deu uma oportunidade , ele aproveitou. E de quebra aproveitou para castigar todos aqueles que o trairam.

    Pior para Hayley , quis tirar o bebê de perto do Klaus e isso se virou contra ela. Não podemos negar as razões dela, mais ela precisa entender que pior que os inimigos do Klaus é o próprio Klaus.