Compartilhar

E com a aproximação do final da temporada The Vampire Diaries começa a introduzir os elementos que alimentarão a season finale e que irão se desenvolver na próxima temporada. Aparentemente a próxima temporada, pelo menos a primeira metade, será completamente focada na chegada dos Witchpires, seres que mal foram apresentados, mas que nos deixam balançados quanto a coerência de sua existência. Entretanto, uma coisa podemos afirmar: diferente de suas últimas temporadas, Vampire Diaries apresentou um arco de episódios extremamente sólidos, com um excelente desenvolvimento dos personagens e uma boa segurança da trama. De certa forma, conseguiu apagar aquela imagem vergonhosa que a acompanhava há dois anos.

Como já é de costume na série, nenhuma festa é totalmente uma festa sem que haja uma confusão no meio. Acredito que The Vampire Diaries é a série onde nenhuma festa está livre de confusão. Então, para a despedida de solteiro de Rick e Jo isso não poderia ser diferente, não é verdade? Parte de todo esse clima pesado se deu por conta da incontrolável sede da Lily Salvatore e do seu temperamento sanguinário. Aliado a isso, também pudemos notar sua revoltar porque a Bonnie destruíra o Ascendente, impossibilitando que ela pudesse resgatar seus amigos da prisão.

A tentativa do Stefan em se reaproximar da mãe, pelo menos na intenção de ajudá-la a controlar o instinto Ripper, não funcionou muito bem. Acredito que a Lily perdeu o instinto maternal há muito tempo visto tudo o que ela viveu em sua vida como humana e todo o tempo que ela passou como vampira e presa naquela dimensão. Não culpo o Stefan em ainda acreditar que ela ainda seja merecedora de salvação, pode ser que realmente lá no fundo ela ainda guarde uma pequena dose desse amor pelos filhos que lhe ajudará a controlar a si mesma, mas observando o comportamento dela nesse episódio, observando sua raiva, é visível que só se importa com o “seu povo”.

The Vampire Diaries - 6x20

Os Witchpires irão caminhar em Mystic Falls, isso não há dúvidas, mas eles terão que encontrar sua própria maneira de sair da prisão, pois Bonnie está mais do que decidida a não ajudar, pois isso significaria libertar o Kai também, e agora com a novidade de que Jo está esperando gêmeos é mais uma razão para mantê-lo bem longe dali. Mas todo mundo sabe que MF nunca está completamente segura, por isso que o Matt faz aquele alerta ao Alaric e ele pensa na opção de fugir da cidade e toma a decisão ao receber a novidade que sua noiva tinha para lhe contar. Os humanos jamais estarão seguros na cidade seja lá por qual for o motivo, e agora aquelas crianças tem mais do que o direito de crescerem longe dali, longe da influência dos Gemini.

A maior prova de que Mystic Falls não é segura, se dá no fato de que no primeiro minuto em que Elena volta a ser humana, ela já está correndo risco de vida. Isso não é lindo? Felizmente sabemos que não vamos ter que aturar aquelas cenas de donzela indefesa já que a Nina está saindo da série. E essa (Elena humana) é a segunda questão que deixou a “festa” num clima tenso. A maior discussão se deu no fato de que a menina Gilbert estava com um pé atrás em aceitar a proposta do Damon em tomar a cura. Da mesma forma como falei no texto anterior quando disse que o Damon estava se dispondo a viver uma vida humana pela mulher que ama, a Elena estava relutante em tomar a cura ter que conviver com o fato de que iria perde-lo, ou pior, fazer como que ele também tomasse a cura e abrisse mão da coisa que ele mais ama, que é ser um vampiro.

Toda essa discussão representou um peso muito grande no episódio e na relação do casal, pois realmente é algo que deve ser bem pensado, pois por mais que os dois tenham ambições opostas, eles estão dispostos a se sacrificar para agradar o outro. Nesse meio tempo o Damon consegue convencer a namorada a tomar a cura, transformando-a de volta à condição humana e quebrando todos os resquícios da hipnose que o Rick fizera. E após isso acontecer Elena age com a razão e a lógica e mostra ao Damon o quanto ele estará sacrificando apenas pelo fato de não perde-la. Ela o ama demais para permitir que ele viva uma vida que ele realmente não desejar só para poder estar ao lado dela.

Ainda há muito o que ser desenvolvido nos últimos episódios e pelo visto as coisas só irão esquentar. E espero que vocês estejam aqui dispostos a comentar e interagir.

Peço a compreensão de você por não conseguir responder todos os comentários, mas como venho alertando a todos os meus leitores, meu tempo está muito corrido e, muitas vezes, só consigo ler. Por esse motivo estou começando a introduzir discussões relevantes que vejo nos comentários de vocês dentro do texto para que não percamos essa deliciosa interação que temos.

Até breve.

Review
Nota do Episódio
Compartilhar
Tenho 24 anos, formado em História, e meu Hobby é ler e escrever. Fã de Harry Potter e viciado em séries. Amigos e família são essenciais em minha vida.
  • JV_J-Law

    O Episódio teve um começo meio tedioso, mas a partir dos 15 minutos a intensidade só aumentou, senti falta da Caroline nesse episódio, mas entendi que de certa forma existem personagens que precisam também ser desenvolvidos, e sinceramente eu adorei as cenas com o Damon e com a Elena, e a discussão dos dois é totalmente coerente e bem feita, afinal é uma grande decisão…. Adorei a cena em que ela volta a ser humana, pois mostra como ser humano não é algo bem interessante nessa cidade, igual você falou, e a Lily nesse episódio mostrou mais um pouco de como é uma vilã diferente, eu não sei como caracteriza-la realmente, ela tem sentimentos, ela não é totalmente manipuladora, ela não totalmente má, mas ela é uma vilã pelas atitudes tomadas, é realmente uma personagem bem complexa, apesar de finalmente o Enzo ter um porque em existir, eu não sou fã do personagem, talvez se ele fosse mulher acho que seria mais legal hahah, mas enfim, foi um bom episódio, igual você disse, solido e bem desenvolvido assim como toda essa temporada!!!

  • Thays

    Oi pessoal, acabei de assistir a esse episódio e confesso que foi um dos episódios que mais gostei dessa temporada, ele simplesmente me prendeu do começo ao fim, e o que foi aquele final com o Kai (que saudades estava de você, Kai!), vem confusão por aí, agora que a Elena voltou a ser humana, e que cenas perfeitas foram essas de flashback, quando ela recorda de seus momentos com Damon, eu simplesmente amei, e olha que nunca fui uma Delena maníaca. Espero que o Damon não tome a cura (acho meio improvável.). Quanto ás cenas de Stefan conversando com a Lily, também gostei muito, Stefan era apenas uma criança quando “ela se foi”, e ele tentando ajudá-la a controlar a fome, foi uma bela cena. Lily é uma ótima personagem, não só por ser mãe dos protagonistas, mas também por esse plot de vampiros-bruxos, que irão tocar o terror em MF, concordo com o Matt de que a cidade nunca será um “local seguro”, principalmente para uma nova família, como a Jô e o Alaric e os bebês. Sinto que as despedidas serão muitas nesse final de temporada, Nina, Trevino e do Matt Davis também, pois acho que ele não volta para a sétima temporada. É bom preparar os lencinhos, já estou preparando os meus.
    P.S: I miss you, Caroline.

  • isadora

    Nossa, estava com saudades do Kai…
    A Bonnie cada vez mais insuportável… pena que não morre… ta mais inútil do que quando ancora… adorei quando a Lily acertou ela…
    Lily ótima personagem

  • Nalu S

    Que episódio maravilhoso .Mas vem cá , porque o Damon não tomou a cura na hora que a Elena terminou de tomar ? Ele guardou no bolso a cura já aberta pra tomar depois ? Não entendi nada dessa parte . Uma coisa preciosa que estão esquecendo com relação a cura no Damon , é que ele vai envelhecer os mais de 100 anos dele de uma vez só , assim como aconteceu com a Kath e ninguém lembra disso ( Damon não vai tomar a cura mesmo então nem estão se importando com os detalhes ) . Eu queria muito que o Matt seguisse o seu próprio conselho e SUMISSE da cidade , ô cara chato pqp .

    • Matheus Lemes

      Bom entendi assim, a cura realmente eh para uma pessoa só como foi dito lá na 4 temp. a Elena tomou e voltou a ser humana….a Kat ingeriu a cura e ela voltou a ser humana tb e ela estava bem tanto que nem começou a sentir os 500 anos dela, estava normal, agora lembra-se que na 5 temp. o silas queria a Kat pq ? pq ele precisava sugar o sangue dela pois o seu sangue agora era a cura e ele tomando voltava a ser um bruxo normal nao mais imortal , e a kat morreu por causa disso digamos assim , o damon se sugar o sangue da Elena vai voltar a ser humano e a elean por ser vampira a pouco tempo tipo uns 2 anos ou 1 ano nao sentiria os efeitos do peso da idade como a kat pois ela tinha uns 500 anos e morreria mesmo e o damon se niguem sugar seu sangue tirando assim a cura do corpo dele seria um humano normal , se sugarem seu sangue ele morreria como a kat pois tem mais de 100 anos

      • Nalu S

        Eu sei que nunca os roteiristas iam matar o damon , ainda mais de velhice . Agora que a elena saiu eles não vão perder o damon de jeito nenhum ( por isso eu acho que ele não vai tomar cura nenhuma ) . Mas são coisas simples assim que te faz pensar : Porque umas coisas acontecem com uns personagens e com outros a mesma regra não vale ? Isso foi só um detalhe que percebi mas que não tem porque se preocupar porque eu creio que ele não tome a cura , é mais capaz da Lily tomar do que ele .

  • Matheus Lemes

    Bom como o Kai e os outros vão sair de 1903 eis a questão, pois precisa
    do sangue Benet , e uma não foi dito que essa prisão foi feita na época
    com sangue das benet ou se foi feito com o sangue de outra pessoa,
    hipóteses ou na epoca de 1903 uma benet ajudou a criar a prisao com seu
    sague , outra hipótese uma outra pessoa do cla gemini usou o sangue e um
    dos vampiros bruxos é um parente do mesmo ou foi um descendente da
    familia do kai e ele estando la nessa prissao descobriu isso que um dos
    seus parentes de sangue foi quem criou a prissao e com isso usariam o
    sangue do kai pra sair ou um dos bruxos vampiro é um benet e usariam seu
    sangue pra sair mas ai entra o pq nao fizeram isso antes pois tinham o
    ascendente e um benet , precisam explicar isso pois se for isso eles ja
    estariam fora da prissao bem rapido tipo em 1903 mesmo, na epoca, ou
    tenha algum outro motivo que vamos ver pra eles sairem da prisao

    • Roberta Marinho

      Isso me lembra a avó da Bonnie…a história dela não foi bem encerrada na 5 temporada, ficou meio em aberto o lugar pra onde ela foi, talvez ela seja a chave pra libertar eles desse mundo prisão.

      • Matheus Lemes

        ela encontrou a paz assim como a lexie lembra

        • Matheus Lemes

          ah e outra coisa falando em lexie, eu acho que a mae dos salvatores , a lily foi gerada pela lexie pois ela era uma enfermeira e a lily disse que uma cuidou dela quando estava doente e acredito ser a lexie

          • Mauro C. Novaes

            Isso seria legal de mostrarem. Lexi poderia ter transformado a mãe dos Salvatore,e, por isso, ela começou a ajudá-los(depois que descobriu que ‘matou’ a mãe deles).
            E sobre a prisão de 1903.. e se tiverem usado o Sangue Petrova para criar aquela dimensão? Lembrando que eles são Viajantes(agora eu não lembro da Amara ser viajante,ela apenas acompanhava a Qetsiyah como uma serva). Acho que seria legal usarem os Petrova na série, sair da zona de conforto que foi transformar essa família em sinônimo de doppelganger.

  • Renan0792

    Estou gostando da reta final, e saber algo do pessoal foi só eu ou mais alguém sentiu algo quanto a lily tentou matar a elena parece que ela humana me deu vontade de torcer para ela não morrer me deu a ate pena de pensar que ela ia perder algo que ela tanto queria , e no momento que ela consegue é quase morta… eu tava um tempinho sem saco para a elena mais eu gosto da nina eu que eu vou sentir falta dela.