Compartilhar

Olha The Vampire Diaries surpreendendo novamente, Brasil! Não canso de repetir que a sexta temporada da série serviu como um novo recomeço, onde o show abriu mão de tudo que o sufocava e passou a trabalhar, com foco, apenas no que é essencial e relevante. É até estranho escrever isso, depois de ter passado duas temporadas soltando semanalmente, mas parabenizo a equipe por trás do show pelo excelente trabalho que estão apresentando nesse sexto ano.

Parece até que estamos em 2010/2011 durante o desenvolvimento daquela deliciosa segunda temporada, que nos surpreendia e nos tirava o fôlego a cada episódio. Onde os personagens estavam sendo extremamente bem trabalhados e a mitologia era rica e se configurava como algo extremamente maior que a série (beijos para os Originais). The Vampire Diaries, esse ano, buscou capturar aquela mesma essência e aplica-la nessa temporada e, como disse em outros textos, fico feliz por isso ter acontecido, pois se não fosse por isso, teríamos tido mais um ano condenado ao fracasso e a erros que seriam difíceis de engolir.

Mas, então… o que falar de “I’ll Wed You In The Golden Summertime”? Simplesmente que foi um episódio extremamente ansioso de assistir porque ele foi nutrindo aquela tensão esmagadora e aquele pressentimento de que algo muito ruim vai acontecer a qualquer instante, mas que na verdade só se concretiza nos segundos finais deixando aquele delicioso gancho no ar. Se uma pessoa disser que esse episódio foi ruim, por favor, aponte os pontos negativos e argumente de forma coesa, porque eu, sinceramente, não poderia ter ficado mais satisfeito com a forma que esse episódio se desenvolveu. Até os pequenos draminhas bobos se encaixaram perfeitamente na dinâmica do mesmo sem atrapalhar nada.

The Vampire 6x21

A pressão que se instaurou sobre o Damon devido a sua decisão de tomar a cura e viver uma vida humana ao lado da Elena, fez com que ele fosse forçado a repensar sua decisão para que, no futuro, ele não se arrependa, pois não haverá como reverter. Por esse motivo, orientado por Elena, Stefan afasta o irmão dos preparativos do casamento do seu melhor amigo e o força a pensar nas variáveis daquela atitude. Achei bastante coerente essa atitude “Stelena” porque era necessário fazer com que o Damon tivesse certeza de que o que ele irá fazer é por ele, e não por influência de ninguém. Para que mais tarde ele não comesse a repensar sua vida e ver que abriu mão de uma “vida fácil” por causa de alguém (que pode não mais estar ao lado dele por diversos motivos) e por isso é infeliz.

Damon é de uma natureza selvagem, intimidadora e de espirito livre. Ele gosta de viver despreocupado, e essa despreocupação se transforma na sua confiança. Como o Stefan falou, o Damon humano era inseguro e tudo isso pode voltar num estalar de dedos, mesmo que ele já tenha amadurecido tanto ao longo desses cento e poucos anos. A preocupação da Elena é plausível, ela jamais se perdoaria por ser o motivo da infelicidade de alguém, principalmente do homem que ama. Ela já havia tentado convencê-lo a mudar de ideia, não por ela não o amar mais, mas por ama-lo demais a ponto de não querer vê-lo sofrer. Mas como diria Sandy, “o que é imortal não morre no final” e mesmo depois de ter considerado as palavras do irmão, Damon chega à conclusão de que realmente está disposto a viver como humano, mesmo com todas as variáveis batendo em sua porta diariamente, mas a possibilidade da felicidade ao lado da namorada o faz ter certeza de sua decisão.

O que seria lindo, caso não houvesse uma reviravolta capaz de destruir todos os seus planos a longo prazo. Mas essa discussão não cabe aqui, não por enquanto. Vamos discutir isso mais tarde. Entretanto, podemos falar um pouquinho sobre a Caroline que, felizmente, resolveu parar de se esconder e enfrentar a realidade depois de tudo o que fizera. Seu primeiro passo foi justamente se desculpar com as pessoas que magoara, uma atitude extremamente coerente já que sabemos como Caroline Forbes funciona. O maior problema ficou em relação ao Stefan, onde vimos que, por mais que ela esteja disposta a se entregar (e ele também, é bom deixar claro), Caroline está presa demais na sua própria cabeça e impedindo a si mesma de viver algo real e verdadeiro com o homem que ama.

The Vampire Diaries6x21

É chato comparar, mas aquela cena dos dois conversando sobre seus problemas, me fez lembrar de diversos momentos Stelena/Delena, onde víamos a Elena dando pití e fazendo drama, desnecessário, indo contra sua verdadeira vontade que era abraçar e beijar o cara loucamente, mas prefere sair correndo como o diabo foge da cruz. Mulher, melhore! Aproveite que o Stefan está apaixonadinho por você e vá ser feliz, principalmente agora que você foi praticamente promovida à protagonista da série.

Mas, entretanto, porém, todavia, contudo… (sempre quis escrever isso), o episódio foi marcado pelo lindo e sangrento casamento de Jo e Alaric. Teria sido tudo muito lindo – eu até imaginei que, pelo menos dessa vez, um momento festivo em TVD não acabaria em sangue. Como eu sou ingênuo. – caso o Kai não tivesse aparecido de última hora para alegria geral da nação e virado aquele barraco de cabeça pra baixo. Primeiramente quero expressar meu prazer por tê-lo de volta, mesmo sabendo que o Chris não estará mais presente na série. Também quero dizer que, por incrível que pareça, já estou ficando com pena da Bonnie que até nos sonhos agora está se fudendo, e pedir para os produtores maneirarem com Ric em seus relacionamentos, o coitado nunca tem sorte, gente? Ele já chegou no nível Jeremy Gilbert beijou, morreu.

Mas vocês, assim como eu, devem ter se perguntado, como o Kai conseguiu escapar da prisão? Aparentemente há uma brecha no feitiço dos Gemini, a mesma brecha que vimos a Bonnie ser alertada no sonho. Kai utilizou-se dessa brecha (que com certeza explicarão no próximo episódio), voltou para Mystic Falls, libertou a Lily e a contou onde encontrar sua ‘família”, e de quebra, sufocou a Bonnie o Matt na masmorra dos Salvatore. Como se não fosse bastante, estragou completamente o momento mais feliz da irmã e dando aquele show de frieza que só ele sabe dar. Num momento está tudo bem, e no outro vemos a Jo sendo esfaqueada (e possivelmente morta) e o Kai explodindo o salão todo levando Elena a ficar inconsciente.

The Vampire Diaries-6x21

Pessoal, a Elena não morreu. Não ainda, pelo menos. Muitos tem discutido a probabilidade de esse ter sido o adeus da personagem que mais amamos odiar e criticar na série, mas aquela queda não matou a Elena. O mais provável, e o que vem ser bem mais coerente devido a uma frase do Damon na promo da Season Finale, é que o Kai colocará a Elena num coma profundo e única forma de desperta-la seria com a morte da Bonnie. Então ele força o Damon a fazer essa escolha, sendo que eles não matam a Bonnie e preferem esperar sessenta anos para que ela morra de causa natural. Claro que isso é apenas uma suposição, não levem muito a sério. Mas a certeza é que semana que vem daremos adeus a Elena e, consequentemente, a nossa querida e talentosa Nina Dobrev.

Enfim, espero que tenham gostado e que queiram deixar os seus comentários. Vamos aguardar e ver o que The Vampire Diaries está guardando para a Sua Season Finale. Me desculpem pela extensão do texto, mas precisei extrapolar um pouquinho para trabalhar tudo o que achei relevante.

Até semana que vem!

Review
Nota do Episódio
Compartilhar
Tenho 24 anos, formado em História, e meu Hobby é ler e escrever. Fã de Harry Potter e viciado em séries. Amigos e família são essenciais em minha vida.
  • JV_J-Law

    Carlinhos, ótima review, eu adorei o episódio, teve ao mesmo tempo um ritmo lento e dramático, porém forte e interessante, todos tiveram seu momento aqui e acolá, mas com certeza posso dizer que amei os momentos Delena nesse episódio, foram únicos e verdadeiros, e nada mais justo, afinal é o final do romance mais badalado da série!! O Damon confrontando a realidade de ser humano e depois aceitando que assim como a Elena diz “A vida não é perfeita” não por ela, mas pelos dois, é algo extremamente filosófico e bonito, a Caroline e o Stefan, apesar das suas proposições eu entendo a Caroline, afinal quando ela quis, ele foi lento demais e agora os papéis de inverteram, e que dó da Bonnie, ela realmente nunca consegue ter um final de temporada feliz (KKK), apesar de gostar demais que da volta do Kai, eu fiquei muito triste pela Jo e pelo Alaric, mais por ela, pois mesmo que ela consiga sobreviver, ela perdeu os bebês e foi algo extremamente trágico para um final de casamento, e bom também não acho que a Elena morreu, na minha opinião ela só ficou inconsciente, vamos ver no próximo episódio, quero só ver como vai ser a explicação da volta do Kai e etc, mas pelo que to vendo eu vou chorar no final do episódio que vem, Nina Dobrev saindo de TVD, não achei que veria isso acontecer um dia!!!

  • Leandra Mendes

    Dando adeus a Nina Dobrev na série. Só sendo muito boa pra dar vida a uma chata e insossa Elena Gilbert e a uma deliciosa e inesquecível Katherine Pierce (saudades). Dois personagens totalmente diferentes interpretados por uma talentosa atriz.

  • Valdir Luciano

    Ah, que saudade da Elena com cabelo liso, humana, sensível… :´)

    Episódio muito bom, dramático, mas ágil e com um final bombástico, preparando o cenário para a season finale. Ali, todos os momentos foram bem aproveitados, até mesmo as cenas entre Matt e Bonnie, Liv e Tyler, Mamma Salvatore e Enzo… Tudo foi devidamente encaixado como peças de um quebra cabeças perfeito. As cenas entre Caroline e Stefan foram ótimas, e me remeteu aos momentos Stelena nos primeiros anos da série, quando por qualquer coisa a Elena via um motivo para não ficar com o Salvatore mais novo. E Damon e Elena super combinaram nesse episódio, na maior parte distantes, mas quando juntos os diálogos foram muito coerentes e tudo se tornou gostoso de assistir.

    A conversa entre Stefan e Damon foi muito bonita, e tivemos uma espécie de flashfoward de como seria o casal humano sem super poderes, e como isso afetaria Damon. Foi bastante convincente, e a cena envolvendo ele e uma bola de futebol foi hilária hahaha, ele fez uma carinha de Pestinha kkkk…

    E o que falar do momento final do episódio, com a volta não tão duradoura do nosso querido Kai? Espetacular! Ele voltou com tudo, sambando no altar e fazendo chover desgraça à todos, principalmente à Jo e a coitada da Elena, que mal virou humana e já está sendo caçada. Infelizmente, o destino dela tem que ser esse mesmo: Ou ir embora, ou morrer, ou dormir eternamente.

    Aguardando ansiosamente o season finale, e já triste pelos acontecimentos e pelos meses sem news premieres :(

    Ótima Review, Carlinhos!

  • http://together-and-mixed.blogspot.com.br/ Augusto Nunes

    Ótima review, está temporada tá BEM mais coerente que as outras recentes e esse episódio em especial me deu um ar de quero mais que não sentia na série há um bom tempo… Principalmente o final. Esperando, loucamente, a Season Finale!

  • renata celho

    Tristeza sem fim nesse episodio , Ric realmente ta pior que o Jeremy….. Tadinha da Joy , linda e perfeita no casamento…. só esqueceu do seu irmão fodão e mega vingativo!! Kai voltou com tudo e na pior hora possível !!!

    Elena , mal ou bem, vai deixar saudades… e os dramas vigaram todas a encargo da Caroline! Prevejo muitas lagrimas no ultimo episódio, eu realmente não queria que ela morresse , mais não vejo o Damon abrir mão da garota que ele ama assim , ele é egoísta demais pra deixa-la, egoísta demais pra ficar com ela pra sempre como humano.

    Realmente to com medo do próximo episódio , porque a impressão que eu tenho é que série esta acabando por aqui. Uma sétima temporada sem a protagonista (oficial) parece realmente uma coisa sem nexo. Quando Julie Plec quer , ela faz coisas realmente incríveis , mais as vezes ela se enrola demais ( caso da quarta e quinta temporada). Espero que os plot que serão construídos para o ano que vem consigam manter o mesmo padrão de excelência desta temporada , ou da terceira…

    • luciene

      Boa Tarde a todos,sinceramente me causa bastante estraeza que coerência nem chegou perto do que se colocou como épico. Tanta coisas realmente importante primordial quer seja construído numa ficção ou realidade, náo sei porque tanto alarde (cura ),o mais importante que apredendo a crescer juntos relacionamemento. Não tem fórmula exata,perfeita por isso que. A essencia conhecido como Amor capaz de transformar de algo sem importância p tantos mas com certeza não p todos que acredita esse bem maior tem valor incomparável. em resumo se tudo foi feito como baseado em respeito a coerência momentos realização felizes futurista trajetória trágica e épica para quem? Com clamando a cada episodios da 7 temporada como algo desafiador enigmático o que vai ser ágora? Nada que já não seja conhecido, me reservo a desejar que irmãos Salvatore se consolide. Como família , sinceramente thank you for loving my Damon&Elena alawys….

  • Nalu S

    Se tem uma coisa que nunca decepcionou em TVD em todas essas temporadas , foi a trilha sonora . É sempre muito boa . Mas o episódio foi bem bacana , eu to bem orgulho da série ter se levantado desse jeito . Visão do futuro ? Oi ? Que conveniente ,não ? Eu só acredito no Damon quando ele tomar a cura , ele promete a 2 episódios e nada , agora então que não toma mesmo * suspeitei desde o princípio * . Kai voltou mais gato do que nuncaa !

  • David Andrey

    Nossa é incrível como todo mundo critica a Elena mesmo, eu amo ela e sempre amei, adoro/ava os dramas que ela faz/ia sempre pra tudo UHAHUAHUUHA #GoodbyeNina

  • Deborah Mendes

    Goodbye Nina Dobreva!

  • Deborah

    Acho que foi o melhor episódio desta temporada, superando até o 5o. que até agora tinha sido meu favorito. Tudo se encaixou e não teve nada e nem ninguém que eu tenha achado desnecessário (e olha que o Matt e o Tayler estavam neste episódio hahaha). Todo mundo estava bem e percebia-se o tempo todo um clima de que algo grande ia acontecer…

    E aconteceu! Choquei com o Kai aparecendo e esfaqueado a barriga da Jo no meio do casamento – gente ela tava grávida de gêmeos! Era o momento mais feliz da vida dela e virou uma tragédia! Horrorizada até agora 0.0… E dps dizem que só GoT tem cenas chocantes. Este episódio foi digno de um casamento vermelho.

    Senti mta pena do Damon e sobretudo da Elena. Ela tava tão “Elena das primeiras temporadas” (com chapinha e td!) que senti uma simpatia tão grande pela personagem e me fez confirmar que o que estragou com ela nestes últimos anos foi o vampirismo – Elena humana é divertida, mais leve e bem mais carismática. Vou sentir falta dela assim e fiquei triste por ela ficar em coma, logo quando conseguiu o que tanto queria – e mais triste por nunca mais vermos ela depois desta quinta =(

    Acho que vem coisa boa na finale e tomara que deem um fim digno para Elena, pois depois daquela mega declaração do Damon vai ser triste ver o fim do casal.